Depósito de lixo em condomínioss: dicas de descarte e organização

Todos nós produzimos lixo – isso é algo inevitável, do qual não podemos fugir. Mas o que podemos fazer de diferente é termos a consciência dessa condição e dar o destino correto ao que produzimos, especialmente quando o assunto é depósito de lixo em condomínios.

Dados mostram que o Brasil despeja por ano 30 milhões de lixo de maneira inadequada, o que não é nada bom.

A parte boa aqui é que qualquer condomínio pode estimular os moradores a fazerem o descarte e a separação do lixo de forma correta, para amenizar um pouco a situação.

Lembrando sempre que a limpeza do condomínio é essencial, tanto para moradores quanto para visitantes, pois é uma questão de higiene.

Neste artigo você encontra algumas dicas sobre o descarte e a coleta de lixo em condomínio, mas antes, vamos falar um pouco sobre o que diz a legislação:

O que diz a lei sobre depósito de lixo em condomínios

Vigente desde agosto de 2014, a Lei Federal 12.305/10, que institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), determina a responsabilidade sobre a coleta e reciclagem de resíduos.

O texto diz que cabe aos condomínios e a seus moradores a responsabilidade da instalação de um sistema de coleta seletiva e da separação dos resíduos em três categorias:

  • Recicláveis;
  • Orgânicos;
  • Rejeitos.

Dessa forma, todo condomínio precisa estar em conformidade com a legislação e disponibilizar diferentes locais de depósito de lixo para os moradores.

Dicas de descarte e organização

Por conta da legislação e também da consciência com o meio ambiente, o condomínio pode incentivar os condôminos a colocarem seus respectivos lixos nos lugares certos.

O mais básico de tudo é ter lixeiras separadas, mas isso não para por aí, então confira algumas dicas para a coleta de lixo em condomínio residencial:

Separação de lixo é fundamental

Para que o morador descarte o lixo no local certo é preciso que haja um local para isso. Dessa forma, é imprescindível que sejam disponibilizadas lixeiras diferentes, como orgânico, seco, papel e vidro, por exemplo, no depósito de lixo em condomínios.

Além disso, é importante conscientizar o condômino a depositar o lixo no local correto – caso contrário, de nada adianta ter essas lixeiras separadas.

Defina o local de descarte em assembleia

Esse local específico de depósito de lixo no condomínio já existe em vários condomínio, mas caso ainda não haja no seu, uma reunião de moradores é o suficiente para definir o novo local.

Pequenas lixeiras nas áreas comuns

Além de um local oficial para o descarte do lixo em grandes quantidades, uma maneira bem fácil de manter o condomínio limpo é espalhando pequenas lixeiras pelas áreas comuns, para pequenas sujeiras do dia a dia, como bitucas de cigarro ou embalagens de balas.

Sobre este ponto, a maioria dos condomínios colocam lixeiras pequenas para lixo seco nos corredores e na recepção, o que é indicado. Mas, dependendo do tamanho e da área do condomínio, vale também ter algum contêiner para lixo orgânico.

Ficar atento a coleta seletiva

Os dias e horários de coletas variam de acordo com cada bairro. Portanto, entre em contato com a prefeitura local para saber quando os diferentes tipos de coleta vão passar para recolher o lixo do condomínio.

Essa é uma informação importante e que deve ser de conhecimento do síndico, dos funcionários e dos moradores, pois o descarte de lixo em dias inadequados podem acarretar em multas ao condomínio.

Ter funcionários treinados e conscientes

Para auxiliar no manuseio do lixo no condomínio é preciso que os funcionários estejam conscientes da importância deste trabalho e treinados para as tarefas que ele envolve.

E não esqueça: aqui estão incluídos todos os funcionários do condomínio, como porteiro, zelador e faxineiros.

Conscientizar os condôminos

Por fim, de nada adianta ter funcionários treinados e lixeiras espalhadas e separadas pelo condomínio se os próprios condôminos não estão conscientes sobre o lixo e não obedecem às regras.

Fazer comunicados em escrito, em mensagens via aplicativo ou colocar cartazes nos elevadores sobre o assunto são algumas formas de comunicar os moradores e incentivá-los a fazerem a separação e o descarte de forma correta.

E você? Já teve algum problema com depósito de lixo em condomínios? Compartilhe nos comentários se já passou por algo relacionado!

EXPANDA SEUS CONHECIMENTOS

Que tal aprender mais? Confira abaixo a nossa lista de materiais gratuitos para você baixar e aplicar em seu condomínio:

CONECTE-SE COM A GENTE

Gostou de nosso conteúdo? Aproveite e compartilhe com seus síndicos, moradores, vizinhos, familiares e amigos! Aproveite e siga-nos no Facebook, Instagram, LinkedIn e Google Meu Negócio.

Te ajudamos com esse artigo?  

A Alamo conta com especialistas de inúmeras áreas do conhecimento, todos prontos para atender a demanda do seu condomínio e levar tranquilidade ao seu dia a dia.

Vem ser Alamo! Solicite uma proposta!


Mostrando 6 comentários
  • Maria
    Responder

    Boa tarde,moro em um condomínio,com mais de 1500, pessoas,e tem várias lixeiras espalhadas pela área comum, outro dia ao descer do meu apto,com uma pequena sacola ,pedi p meu filho colocar na lixeira,o meu filho foi humilhando pelo zelador,que com gestos autoritário o fez enfiar a mão dentro da lixeira da área comum,e levar até a principal, que é p grandes quantidades de lixo, gostaria de saber se cabe proceda lo pela forma q se dirigiu ao meu filho?

    • Alan
      Responder

      O sindico está correto na questão de grande quantidade de lixo ser depositado na área principal, pois as lixeiras distribuídas pelos condomínio são para pequenos resíduos como papeis, latas…

  • Eliana Gomes
    Responder

    Estou morando num condomínio onde é deixado no HALL de circulação, que já é pequeno (cerca de 1,00metro de largura), latão de lixo e saco com todos os tipos de lixo e cheira mal, a toda hora que passamos por perto. estando exatamente a 1,50m no máximo de minha entrada, em meu apartamento, tenho que sentir esse cheiro de tudo…todos os dias.

    Poderia me indicar qual legislação deve ser seguida pela sindica, pois existe sistema de coleta de lixo (diária) e inclusive uma lixeira tão grande quanto, do lado de fora. Todos os condôminos usam a externa e somente esse vizinho tem uma outra para todos os lixos, à área de circulação.

    Por favor me ajude a conscientiza-los que essa atitude inclusive atrapalha rota de fuga etc.

    • Equipe Alamo
      Responder

      Olá, Eliana!
      Sua realidade se assemelha a de outros usuários que passaram por aqui. Falando em termos legais, normalmente as especificações para o depósito de lixo em edificações são regulamentadas pela prefeitura por meio da concessão do Habite-se, lei específica ou Código de Posturas. Em Belo Horizonte, onde estamos, encontramos a Lei 10.531/2012 que rege no artigos 38 e 50 sobre acondicionamento de resíduos e coleta pelo serviço público. Para te ajudar com essa questão, recomendamos que verifique se em sua cidade possui essa normatização e converse com seu síndico sobre sua impressão.

  • Laura Elvira devora Martinez
    Responder

    Bom dia. Gostafia de saber as normas legais que regem o local da instalação coleta do lixo do condominio.
    Deve ser lugar arejado ou fechado, com sacos de lixo pelo chão ou dentro de containers fechados,ecomo deve ser a higiene do local.
    No predio para o qual mudei recentemente o local é todo fechado,umido, e cheio de sacos de lixo pelo chão. Quando se abre a porta para entrar no tal quartinho, vem um “bafo” asqueroso, TOTALMENTE fedido. Ou seja: lugar fechado, quente e umido – um verdadeiro meio de cultura para bacterias.

    • Equipe Alamo
      Responder

      Olá, Laura!

      Normalmente as especificações para o depósito de lixo em edificações são regulamentadas pela prefeitura por meio da concessão do Habite-se, lei específica ou Código de Posturas. Em Belo Horizonte, onde estamos, encontramos a Lei 10.531/2012 que rege no artigos 38 e 50 sobre acondicionamento de resíduos e coleta pelo serviço público. Verifique se em sua cidade possui essa normatização e converse com seu síndico sobre sua impressão, quem sabe o condomínio não modifique as características do depósito de lixo!

Deixe um Comentário

Autorização para cortar árvores