Seu condomínio está adaptado para atender a melhor idade?

Assim como em qualquer fase da vida, a chegada da terceira idade demanda adaptações específicas. Pisos antiderrapantes, rampas de acesso e funcionários cordiais estão entre demandas que qualquer condomínio deve estar preparado para atender. 

 

A cada nova geração, com o avanço da medicina e das tecnologias, o aumento na expectativa de vida e valorização da qualidade de vida dos idosos se torna realidade mais frequente. Por isso, hoje em dia, é de extrema importância considerar as necessidades dos idosos em qualquer projeto, sobretudo em construções civis. E para condomínios não seria diferente. 

Todavia, estar preparado para garantir segurança, conforto e qualidade de vida para pessoas com mais de 60 anos vai muito além de atenção ao espaço físico. Pensando nisso, listamos as principais recomendações da Norma Técnica, BNT NBR 9050, que define a Acessibilidade a Edificações, Mobiliário, Espaços e Equipamentos Urbanos e também as recomendações dos especialistas do setor de Recursos Humanos da Alamo para aplicarem no dia a dia do seu condomínio. Acompanhe:

ACESSIBILIDADE

Entradas e saídas:

  • Devem apresentar superfície regular, firme, contínua, estável e antiderrapante sob quaisquer condições climáticas; passagem livre de obstáculos e largura mínima de 1,20m; superfície com inclinação transversal de no máximo 2%.
  • Uso de piso tátil para indicação de obstáculos ou mudança de plano da superfície.
  • Junta de dilatação e grelha devem ser embutidas no piso transversalmente à direção do movimento, com vãos máximos de 1,5 cm entre as grelhas e preferencialmente instaladas fora do fluxo principal de circulação.
  • Capachos devem ser embutidos no piso, não ultrapassando 1,5 cm de altura.

Rampas de pedestre:

  • Qualquer desnível de plano superior a 1,50 cm é considerado degrau. Portanto, tem que ser vencido com rampa (a largura mínima deve ser de 1,20 m).
  • Patamar no início e final de cada segmento de rampa, com comprimento igual a largura da rampa, ou seja, no mínimo 1,20 m.
  • Guia de balizamento (elemento instalado junto aos limites laterais das superfícies do piso, perceptível por pessoas com deficiência visual) com altura mínima de 5 cm.
  • Piso tátil para sinalização: largura mínima de 28 cm, localizado antes do início e após o término de cada segmento de rampa.
  • Inclinação transversal de no máximo 2%.
  • Inclinação longitudinal de 5%, ou de acordo com a fórmula abaixo:

I = H x100

C = comprimento da rampa

H = altura a vencer

I = percentual de inclinação

Corrimãos:

  • O ideal é que escadas e rampas adotem corrimão nos dois lados e em duas alturas (0,92 cm e opcional para 0,70 cm) , para que crianças e cadeirantes também possam alcançar.

FUNCIONÁRIOS

Por fim, uma equipe treinada para atender as necessidades dos mais velhos também é fundamental. Nesse sentido, um dos pontos mais importantes é estimular toda a equipe de colaboradores do condomínio a serem cortês, oferecer ajuda, quando possível, por exemplo auxiliar com sacolas ou segurar o elevador enquanto o idoso atravessa o corredor. 

No entanto, nossos especialistas destacam a importância de sempre perguntar antes se a ajuda será bem-vinda, pois, em alguns casos, a pessoa mais velha pode se sentir ofendida com a tentativa de boa ação. Nesses casos, é fundamental treinar a equipe para que mantenha a cordialidade e motivação para ajudar outros idosos.  

Outro caminho para um bom relacionamento com os mais velhos é perguntar-lhe diretamente suas demandas e necessidades para entender o que pode ser feito pelos colaboradores a fim de ajudá-lo. Em muitos casos, um bom e velho diálogo pode antecipar soluções para problemas corriqueiros, como entrega de correspondência ou forma ideal de contato, que acabam atrapalhando a mobilidade ou segurança dos idosos.

 

Te ajudamos com esse artigo?  

A Alamo conta com especialistas de inúmeras áreas do conhecimento, todos prontos para atender a demanda do seu condomínio e levar tranquilidade ao seu dia a dia.

Vem ser Alamo, Solicite uma proposta!

Deixe um Comentário